Marketing digital para advogados: o que posso ou não fazer?

marketing digital para advogados

Marketing digital para advogados: o que posso ou não fazer?

Entenda o que você pode ou não pode fazer no marketing digital para advogados e evite infringir as determinações da OAB.

 

O marketing jurídico é regulado pelo Código de Ética e Disciplina da OAB, que estabelece regras e determinações sobre o que pode e o que não pode ser feito.

Na hora de divulgar os serviços de advocacia, o profissional deve observar atentamente o que diz o Código de Ética, a fim de evitar infringi-lo.

Uma das melhores estratégias de marketing para advogados é o marketing jurídico digital.

Entretanto, até mesmo dentro do marketing digital ainda existem diretrizes que precisam ser observadas.

Afinal, a advocacia é uma atividade que envolve o sigilo, a confiança, a justiça, o direito e a verdade.

Portanto, ela não pode ser vendida como qualquer outro serviço, por meios que buscam o lucro explicitamente.

Para que você saiba exatamente o que pode e o que não pode ser feito, criamos o post de hoje, com informações vitais para seus negócios.

 

Estratégia de marketing digital para advogados

O Código de Ética e Disciplina (CED) deixa claro que a publicidade dos serviços advocatícios é expressamente permitida.

Entretanto, ela deve respeitar algumas regras e diretrizes, tanto no meio digital quanto fora dele.

Sendo assim, as estratégias de marketing jurídico digital devem ser construídas respeitando os limites do que é publicidade e do que é propaganda.

Segundo a ementa E-1.684/98, “A propaganda está mais vinculada à ideia de comércio ou mercantilização de produtos, e visa alcançar público maior, incentivando a demanda para maior lucro do empresário ou comerciante. A publicidade é a informação mais discreta, sem alardes, para público menor e direito, pressupondo a existência de interesse anterior, por menor que seja.”

Ou seja, o advogado não pode fazer propaganda de seus serviços, enaltecendo-os em comparação com seus colegas de profissão.

Porém, ele pode divulgar que presta serviços advocatícios, inclusive por meio de anúncios na internet, desde que isso seja feio de forma discreta.

Vamos agora falar sobre as ações que podem ou não podem ser feitas nos meios digitais.

 

O que não pode

No marketing digital para advogados, não é permitido:

  • Utilizar “dizeres próprios de atividade comercial”, como “entre em contato agora!” ou “consulte-nos hoje mesmo!”;
  • Oferecer consultas gratuitas no site do profissional;
  • Utilizar nomes fantasia;
  • Usar fotos dos prédios dos Tribunais (evita associação do Tribunal ao profissional);
  • Divulgar o preço dos serviços;
  • Promover o próprio serviço como sendo “melhor” ou “mais bem sucedido”;
  • Indicar a taxa de sucesso nos processos;
  • Mostrar resultados de processos já concluídos ou em andamento.

Uma das principais dúvidas é sobre os anúncios feitos na internet, geralmente nas redes sociais ou no próprio Google.

Esses anúncios são baseados em palavras-chave e têm o objetivo de atrair potenciais clientes.

Entretanto, eles não podem trazer frases de cunho comercial.

Por exemplo, um anúncio incorreto, seria:

“Melhor escritório de advocacia de São Paulo. Processos mais rápidos com alta taxa de sucesso. Entre em contato agora mesmo!”

Tal anúncio vai contra as diretrizes do Código de Ética e Disciplina da OAB.

O que poderia, sim, ser dito em um anúncio, é algo como:

“Advogado Trabalhista e Civil. Acompanhamento completo do processo. Respeito, ética e discrição.”

 

O que pode

Veja, agora, o que o advogado pode fazer no marketing digital. É permitido:

  • Veicular anúncio contendo nomes e registro na OAB dos advogados, número de registro da sociedade de advogados, endereço do site e horário de atendimento;
  • Manter um site e fazer anúncios na internet, observando as mesmas regras de divulgação nos meios offline;
  • Veiculação em espaços para publicidade de advogados ou escritórios de advocacia em sites de revistas jurídicas na internet;
  • Publicar textos de caráter informativo, com o único intuito de levar informação sobre determinado assunto ao público.

Uma das coisas que podem ser feitas para divulgar os negócios de um advogado na internet é a estratégia chamada inbound marketing.

Ela consiste em criar conteúdos para seu potencial cliente e deixar que ele venha até você por conta própria.

Diversas áreas de atuação já se beneficiam dessa forma de marketing digital e alcançam resultados mais que satisfatórios.

Os anúncios fazem parte de outra frente do marketing digital, que se classifica como uma mídia paga.

Embora sejam importantes de um ponto de vista prático, onde o usuário encontra seu link mais rapidamente, a construção de um site é tão importante quanto.

No site, o advogado consegue falar mais sobre seus serviços, o que faz, onde atua e quais as suas especialidades.

Além disso, o site também abriga uma das maiores armas de divulgação que o advogado tem: seu blog.

Com conteúdos atrativos no blog, você consegue ser encontrado na primeira página de uma busca.

Lendo o conteúdo, o potencial cliente entende você como autoridade no assunto e, se precisar dos seus serviços, entrará em contato por vontade própria.

O primeiro passo para produzir conteúdos atrativos é saber o que o seu cliente pesquisa na internet.

Se você não tem conhecimento sobre marketing digital, recomendamos a contratação de uma agência especializada.

 

Nem tudo é só marketing

marketing digital para advogados - equilíbrio financeiro

Tudo o que você viu até aqui são ótimas formas de usar o marketing digital para advogados.

Entretanto, nem tudo é só marketing. Obviamente, tudo isso é um investimento.

Você precisa ter a mentalidade do crescimento, da busca e do sucesso para prosperar.

Tudo o que você conquistar amanhã é um reflexo do que você faz agora.

Algo essencial para qualquer advogado ou escritório de advocacia é a saúde financeira, o equilíbrio e o pensamento estratégico nos investimentos.

Então, uma boa ideia é aproveitar para saber como reduzir custos na advocacia e aplicar seus investimentos nas estratégias adequadas.

 

Dúvidas frequentes sobre marketing digital para advogados

É permitido anunciar meus serviços na internet?

Sim, desde que observada a escrita do anúncio, que deve seguir a ética e evitar termos característicos de atividades comerciais (persuasão).

 

Posso trabalhar com e-mail marketing?

Sim, desde que sejam enviados somente conteúdos informativos, sem qualquer menção para induzir o leitor a entrar em contato ou contratar seus serviços.

 

Posso manter uma rede social?

Sim, desde que o mesmo princípio da discrição seja observado. É vetada a propaganda comercial em qualquer que seja o meio de comunicação para advogados.

Assim sendo, o que se pode fazer nas mídias sociais é divulgar novos conteúdos disponíveis em seu blog, informar os direitos do seu público e divulgar ações sociais realizadas, por exemplo.

 

Posso divulgar o preço dos meus serviços em meu site?

Não. A divulgação do preço dos honorários é expressamente proibida. Você só pode passar os preços em uma consulta formal com um cliente.

 

Outras formas de captar clientes na advocacia

Além das estratégias de marketing digital para advogados, existem outras formas de captar clientes na advocacia.

 

Palestras e eventos

Uma ótima forma de deixar seu público te conhecer é promovendo palestras e eventos, até mesmo digitalmente, em forma de lives.

Falar sobre um assunto jurídico é uma excelente maneira de demonstrar autoridade sobre o tema.

Naturalmente, seu nome começa a ficar mais conhecido entre as pessoas envolvidas e, assim, você começa a ser mais procurado.

 

Crie um logotipo

Poucas coisas ficam em nossa mente com tanta facilidade quanto um logotipo.

Frequentemente, vemos isso acontecendo em diversas marcas de produtos ou serviços.

Sem dúvidas, você consegue pensar com clareza naquele logotipo de refrigerante mundialmente apreciado, ou até mesmo na logomarca dos principais bancos existentes no Brasil.

Para advogados, o princípio é o mesmo. Quanto mais seu logotipo for visto, mais será lembrado.

Entretanto, aqui cabem dois adendos:

  1. Não é permitido veicular propagandas visuais em outdoors, postes, muros ou qualquer outro tipo de espaço público;
  2. As cores do logotipo devem ser discretas, não chamativas.

Seu logo pode estar no seu site, nas suas mídias sociais, nos seus cartões de visita, nos seus e-mails e também na fachada do seu escritório.

 

Trabalhe em um espaço mais frequentado

marketing digital para advogados - escritório compartilhado

Uma das melhores formas de divulgação para os advogados ainda é o contato pessoalmente.

Se você estiver em um local frequentado diariamente por empresas, profissionais e empresários, com certeza estará cercado de oportunidades.

O simples ato de uma indicação por alguém que te conhece aumenta consideravelmente as chances de contratação de seus serviços.

Um dos melhores espaços para advogados são as salas privativas em escritórios compartilhados.

Normalmente, elas são equipadas com tudo o que você precisa para trabalhar, incluindo mobiliário, internet, iluminação de boa qualidade, climatização e até mesmo decoração.

Fora isso, você pode aproveitar todas as facilidades do escritório, como atendimento personalizado para seus clientes, gerenciamento de correspondências e endereço fiscal.

 

Trabalhe no Aureus e construa seu sucesso

Aqui no Aureus, você conta com salas privativas especialmente construídas para alavancar seus negócios.

O engajamento com a comunidade do Aureus permite aos advogados divulgar seus serviços a uma crescente rede de contatos.

Serviços essenciais como endereço fiscal, endereço comercial, salas de reunião e gerenciamento de correspondências trazem mais agilidade e praticidade para o seu dia a dia.

Além disso, você pode focar no seu trabalho enquanto nossa equipe atende seu cliente com o nome do seu escritório.

O Aureus fica no coração de São Paulo, com dois endereços na Avenida Paulista.

Conheça o Aureus hoje!